Logo EPOP fundo transparente

Mulheres com mais de 40 anos dominam mercado de skincare

Mulheres com mais de 40 anos dominam mercado de skincare

O Brasil – e a mulher brasileira – está envelhecendo, isso é um fato. Mas não quer dizer que elas se deixem levar pelo estigma da idade ou o conceito de que a mulher “madura” é menos vaidosa.

De acordo com dados do último Censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Pesquisa), 44% da população brasileira é composta por mulheres com 40 anos ou mais. 

Esse dado representa uma fatia de consumo pronta para ser explorada pelo mercado da beleza e cosméticos. “As mulheres brasileiras têm uma cultura do autocuidado, de se sentirem bonitas, se interessam por produtos de embelezamento”, aponta a Dra. Ana Carulina Moreno, dermatologista especialista em gerenciar o envelhecimento da pele.

Mais de 40 anos, mães e trabalhadoras: o perfil do mercado da skincare no Brasil

Segundo uma pesquisa recente da Kantar, as brasileiras gastam, em média, R$ 237 reais por ano com produtos de beleza e skincare. Esse relatório vem confirmar a ideia de que a vaidade entre as mulheres mais velhas está mais em alta do que nunca.

Isso porque o levantamento traçou o perfil da consumidora de cosméticos no país: justamente mulheres “maduras”, mães, que trabalham fora de casa e pertencem principalmente às classes A e B.

Ainda de acordo com o estudo, elas adquirem, em média, 11 produtos por ano, principalmente para cuidados com o corpo. Uma fatia de 17,5% compra diretamente em lojas, mas 15% das consumidoras também são presenteadas com itens de cuidados com a pele.

Como cuidar da pele madura

A Dra. Ana Carulina Moreno explica que, com o passar dos anos, a derme passa por diferentes mudanças e precisa de cuidados diferentes. “A característica da pele se altera com o envelhecimento: ela fica mais seca, mais craquelada, mais flácida; portanto precisa de produtos que supram essa necessidade.”

Segundo a SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia), a perda de elastina e colágeno se intensifica após os 40 anos. Assim, além do indispensável protetor solar, se faz necessário o uso de itens específicos. “Um bom hidratante e um potente ácido renovador, para diminuir rugas finas, deixar a pele mais viçosa”, exemplifica a dermatologista.

No entanto, os produtos utilizados por mulheres com 40 anos ou mais devem ser, preferencialmente, aqueles desenvolvidos especificamente para essa faixa etária. 

Isso porque, geralmente os cremes, séruns e demais itens de beleza formulados para mulheres mais jovens focam em problemas como oleosidade, acne e afins. “Já os produtos de pele madura buscam trazer viço e brilho para essa pele, que está mais ressecada e opaca”, enfatiza a dermatologista.

Para saber mais, basta acessar:  https://www.carumoreno.com.br/

© 2024 EPOP copyright all right reserved.